sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

O que são os Halos lunares?

Por Aline Veiga

A observação de objetos celestes sempre fascinou e intrigou a humanidade, causando até mesmo temor em povos antigos, que buscavam em lendas e mitos a explicação para fenômenos naturais observados em seu cotidiano. Estes mitos carregavam muito de suas crenças religiosas, e serviriam – por exemplo – para demarcar épocas do ano.

A Lua fazia parte destes mitos. Se tomarmos como exemplo a concepção da cultura Guarani, temos o céu como uma representação perfeita de tudo que existe na Terra; e a Lua como Jaci, criadora dos vegetais e de frutos cintilantes do céu (Jaci-tata) – as estrelas.

Durante algumas noites, quando observamos a Lua, é possível perceber ao seu redor a presença de alguns “círculos”.

Fonte: http://apod.nasa.gov/apod/ap121203.html

Muitas explicações do senso comum baseiam-se em mitos para explicar a existência destes arcos em volta Lua. Mas afinal, como e por que eles se formam?

http://nautilus.fis.uc.pt/personal/dario/astro/halos.jpg
Estes círculos são chamados de “halos”, e formam-se pela presença de minúsculos cristais de gelo suspensos na atmosfera terrestre.

Quando a luz emitida pelo  Sol e refletida pela Lua, passa pelos cristais de gelo ocorre o fenômeno da refração; ou seja, os cristais de gelo comportam-se como prismas, mudando a angulação da luz quando esta muda de meio. O resultado é a formação dos círculos ao redor da Lua que podemos observar.


A formação do Halo Lunar é um fenômeno óptico, assim como o arco-íris, e também pode formar-se em torno do Sol – Halo Solar.
http://apod.nasa.gov/apod/image/1202/rafael_schmall_lunar_halo_2012_02_02_2_600c.JPG
Share:

0 comentários:

Postar um comentário