quinta-feira, 25 de abril de 2013

Arqueologia Urbana: o novo convívio com o velho.

Por Jeffrey Cássio de Toledo


O papel fundamental da História é compreender a vida do homem ao longo de sua existência. Entretanto, a História não se faz sozinha. Em vários momentos, historiadores recorrem a outros profissionais terem acesso ou compreender melhor o seu objeto de estudo. Assim, se faz necessário esse diálogo estreito com outras áreas do conhecimento.

Fernand Braudel
Fernand Braudel, um dos membros mais destacados do movimento historiográfico francês, conhecido como Escola de Annales (L'École des Annales), aceitando o conselho de seu mestre e co-fundador do movimento Lucien Lebvre, fez uma abordagem sobre o Mar Mediterrâneo que até então seria visto como, no mínimo, ousada. Ao contrário dos padrões da época, onde a História Política tinha grande destaque no meio acadêmico, Braudel, que estudou o tema por quase toda a vida, propôs uma abordagem mais abrangente. Assim, este trabalho, intitulado como “O Mediterrâneo e o mundo mediterrânico na época de Filipe II”, previa estudos econômicos, sociais e geográficos sobre o objeto de estudo.

Posteriormente, temos um fortalecimento de estudos como a Arqueologia que, atualmente, está presente em nosso cotidiano, mesmo que, normalmente, nem percebemos. Recentemente, em Curitiba, durante a revitalização da Praça Tiradentes, foram encontrados trechos de uma calçada do século 19. Esse trabalho, realizado em 2008, revelou um passado, até então oculto e intocável para os curitibanos. 

Intervenções, como esta da Praça Tiradentes, comumente são feitas por profissionais de diversas áreas. Profissionais como historiadores, arqueólogos, geógrafos, biólogos, arquitetos e engenheiros são envolvidos em estudos e pesquisas que podem democratizar o acesso a informações sobre o passado a todas as pessoas, que, por vezes, passam despercebidas pela História e nem percebem.



Para saber mais:

Arqueologia Urbana em São Paulo (Pinheiros)

http://viajeaqui.abril.com.br/national-geographic/blog/mauricio-de-paiva/2013/04/05/arqueologia-sao-paulo-dom-pedro/

Calçada histórica na Praça Tiradentes

http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,MUL470759-5598,00-PISO+DE+VIDRO+VAI+PROTEGER+CALCADA+HISTORICA+DE+CURITIBA.html


Share:

0 comentários:

Postar um comentário