segunda-feira, 12 de maio de 2014

DINOSSAUROS: SENHORES DO MESOZOICO - GUAIBASSAURO

Por: Marcelo Domingos Leal

O Guaibasaurus candelariai tem seu nome derivado do local onde foi encontrado. Guaibasaurus esta relacionado com o rio Guaiba, e candelariai referente a cidade de Candelaria, no Rio Grande do Sul.
Legenda: Figura 01 – Guaibasaurus Candelariai.- Fonte: http://dinossaurosbrasileiros.blogspot.com.br
Esta espécie foi descoberta no geoparque da Paleorrota, na Bacia do Paraná, na Formação Caturrita. Esta Paleorrota contém diversos fósseis do tempo em que havia apenas o super continente Pangeia (alguns escrevem e pronunciam Pangea), sendo a principal área de Geoturismo do estado rio-grandense. O primeiro espécime foi encontrado no começo da década de 90, e o segundo ficou a cargo dos paleontólogos Brea, G; Bonaparte, J. F.; Schultz, C. L.; & Martinelli, A. G. nos anos de 2005 a 2007. 
Como praticamente todos os dinossauros encontrados ate hoje no mundo, foram encontradas apenas algumas partes do esqueleto do animal, a saber, suas pernas, patas traseiras incompletas, algumas vértebras e fragmentos da bacia e da escapula. Como todos os outros dinossauros, o Guaibasaurus viveu na Era Mesozóica, mas em um período chamado de triássico superior, a cerca de 225 milhões de anos atrás.

Era um dinossauro de porte pequeno para o médio, com cerca de 60 cm de altura, 2 m de comprimento e uma massa que beirava entre 50 e 75 Kg. Praticava o bipedalismo, ou seja, era bípede, como nos seres humanos, e seus hábitos alimentares incluíam a ingestão de carne, um típico carnívoro. Quando foi descrito pela primeira vez, em 1999, o Guaibassauro foi classificado como um terapode primitivo, um ancestral dos dinossauros ou uma linhagem primitiva dos sauropodomorfos. Em 2010, um estudo estabeleceu uma nova família, a Guaibasauridae, que incluem uma série de pequenos dinossauros primitivos com características mistas (de terapodes e sauropodes), incluindo ainda o  Saturnalia.


REFERÊNCIAS

ANELLI, L. E. O Guia Completo dos Dinossauros do Brasil. Ilustrações de Felipe Alves Elias. Sao Paulo: Peiropolis, 2010.

LEAL, M. D. Apostila Procurando os Dinossauros. Pinhais: PNFM, 2007.

Site de Artigos Científicos: Acesso em: 2014. Disponível em: 
http://www.paleofile.com/Dinosaurs/Theropods/Guaibasaurus.asp

Site de Artigos Científicos: Acesso em 2014. Disponível em: 
http://www.sescsp.org.br/online/artigo/compartilhar/6949_DINOS+BRASILEIROS

Share:

0 comentários:

Postar um comentário