sábado, 25 de outubro de 2014

MATEMÁTICO BRASILEIRO RECEBE PRÊMIO INTERNACIONAL

Por: Ednilson Rotini


 Figura 1: Arthur Avila. Fonte: Revista Veja

No último dia 18 de agosto um matemático brasileiro deixou seu nome registrado no rol dos ganhadores da Medalha Fields, que é o prêmio mais importante da Matemática, correspondente ao Nobel. Seu nome é Arthur Avila, 35 anos, natural do Rio de Janeiro.

O trabalho desenvolvido por Avila, que proporcionou tal prêmio, foi o estudo na área de sistemas dinâmicos. Esse ramo da matemática tem o objetivo de prever a evolução no tempo de fenômenos naturais e humanos observados nos mais diversos ramos do conhecimento. Atualmente, suas ferramentas são usadas para descrever, por exemplo, a evolução de epidemias, para estudar como surgem espécies animais e mostrar a impossibilidade de previsões do tempo para mais do que alguns dias.  Entretanto, Arthur Avila trabalha com matemática pura, ou seja, seu maior interesse não são as aplicações de seus conhecimentos, mas sim, o desenvolvimento puramente matemático dos conceitos e de suas relações.
Avila é pesquisador do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada, IMPA e do Centro Nacional de Pesquisa Científica de Paris, CNRS. Além disso, é membro titular da Academia Brasileira de Ciências desde maio deste ano.


Figura 2: Entrada do IMPA. Fonte: Portal Pergamum


A medalha Fields não foi o único prêmio recebido pelo matemático brasileiro. Aos 16 anos, Avila já foi congratulado com a medalha de ouro da Olimpíada Internacional de Matemática realizada no Canadá. Assim, ele conseguiu concluir seu mestrado juntamente com o ensino médio. Logo, ele não necessitou fazer graduação e foi direto para o doutorado no IMPA e finalizou seu pós-doutorado no CNRS, na França, onde naturalizou-se. 
O prestígio de Arthur Avila deu-se também por conseguir provar em 2005, juntamente com a pesquisadora Svetlana Jitomirskaya, a chamada “Conjectura dos 10 martinis” que foi um problema proposto por Barry Simon em 1980. Esse problema levou esse curioso nome porque Simon prometeu pagar dez copos da bebida para quem explicasse sua teoria a respeito do comportamento dos “operadores de Schrödinger”, que são ferramentas matemáticas ligadas à física quântica. Após apresentar suas demonstrações matemáticas, Avila foi realmente premiado com algumas rodadas de martini.
 
Voltando a falar sobre a Medalha Fields, esse prêmio é concedido a cada quatro anos pela União Internacional de Matemática (IMU) e é destinada a pesquisadores matemáticos com até 40 anos. Em 2014, além de Arthur Avila, outros três matemáticos receberam o prêmio: o americano-canadense de origem indiana Manjul Bhargava da Princeton University, o austríaco Martin Hairer da University of Warwick e a iraniana Maryam Mirzakhani da Stanford University. Vale ressaltar que Avila não foi apenas o primeiro brasileiro a receber essa honraria, mas também o primeiro latino-americano, assim como Maryam foi a primeira mulher e iraniana a ser agraciada com a honraria.
Historicamente, a Medalha Fields, que oficialmente é chamada de Medalha Internacional de Descobrimentos Proeminentes em Matemática, foi concedida pela primeira vez em 1936 para o matemático finlandês Lars Ahlfors e para o matemático norte-americano Jesse Douglas. A partir de 1950, esse prêmio tem sido entregue a cada quatro anos somente a matemáticos com até 40 anos, pois o objetivo é dar reconhecimento e apoio a jovens pesquisadores que conseguiram grandes contribuições para a matemática.

Figura 3: Medalha Fields. Fonte: Aloha


O nome da medalha é uma homenagem ao matemático canadense Charles Fields que foi uma pessoa importante no estabelecimento desse prêmio, inclusive financiando o valor em dinheiro dessa honraria. Assim, além da medalha simbólica os ganhadores também recebem uma quantia em dinheiro, que atualmente tem sido de 15 mil dólares canadenses.

REFERÊNCIAS


Matemático brasileiro ganha Medalha Fields. Agência Fapesp. Disponível em: <http://agencia.fapesp.br/19603>. Acesso em: 5/9/14.

Brasileiro ganha a Medalha Fields, considerada o “Nobel da matemática”. Jornal Gazeta do Povo. Disponível em: <http://www.gazetadopovo.com.br/mundo/conteudo.phtml?id=1490714> . Acesso em: 5/9/2014.

Brasileiro ganha a Medalha Fields, considerada o “Nobel da matemática”. Folha de São Paulo: Ciência. Disponível em: 
<http://www1.folha.uol.com.br/ciencia/2014/08/1499290-brasileiro-ganha-a-medalha-fields-considerada-o-nobel-da-matematica.shtml>. Acesso em: 5/9/2014.

Brasileiro ganha a Medalha Fields, o Nobel da matemática. Exame.com. Disponível em: <http://exame.abril.com.br/tecnologia/noticias/arthur-avila-ganha-a-medalha-fields-o-nobel-da-matematica>. Acesso em: 10/9/2014

The Fields Medal. Fields Institute. Disponível em: <http://www.fields.utoronto.ca/aboutus/jcfields/fields_medal.html>. Acesso em: 10/9/14.

Medalha Fields: Artur Ávila Ganhou o "Nobel da Matemática"! Canal do Youtube Matemática Rio. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=0S2bz9tXS-A>. Acesso em 10/9/2014
Share:

0 comentários:

Postar um comentário