quinta-feira, 6 de novembro de 2014

ASTRONOMIA OU ASTROLOGIA?

Por: Elisiane C. O. Albrecht


Quem nunca fez a pergunta do titulo? Quem já não se pegou questionando o que será que meu horóscopo me reserva para o dia de hoje? Mas será mesmo que os astros realmente influenciam diretamente em nossa personalidade, sorte, amores, felicidades, questões financeiras, etc? A astronomia e a astrologia hoje são duas áreas bem distintas, porém o nascimento destas se confundem há muito tempo. 

Figura 1: Astronomia versus Astrologia. Fonte: Livro Aberto.


As palavras que descrevem essas duas temáticas são oriundas do grego, astronomia vem do radical nomos, algo tal como lei, e astér, algo tal como astros, sendo assim a lei dos astros, ou seja, a astronomia é o estudo dos movimentos dos corpos celestes, origem, evolução, classificação. 

 Astrologia também deriva de astér e lógos, que seria algo como o estudo dos astros, bem parecido com astronomia, porém com características diferentes. Essa se difere ao estar relacionada a um grupo especifico de astros e busca identificação de uma conexão entre a posição e o deslocamento no céu destes com as condutas das pessoas. 

Os profissionais que exercem estas duas atividades também, na maior parte das vezes, são bem distintos. Um astrônomo não é amador, ele possui graduação em Física e outras especializações que contribuem para seus conhecimentos na área de física e matemática. Já os astrólogos constroem mapas astrais e horóscopos considerando os aspectos místicos de nosso Universo.

Figura 2: Caminho Aparente do Sol. Fonte: Blog do Físico.


Hoje a União Internacional de Astronomia, órgão regulador da astronomia, considera que existem 88 constelações oficiais, com nomes e limites bem definidos e não apenas um conjunto de estrelas, onde os povos antigos definiam desenhos e atribuíam à eles diversos significados. Dentre essas os astrólogos atribuem à 12 constelações aos signos, os quais estariam relacionados às datas e horários do nascimento de cada pessoa. Segundo a astrologia, se você nasceu no dia 19 de abril, seria do signo de áries e este determinaria toda a sua vida, sua personalidade, sua sorte, etc. Porém, se você for verificar através dos dados físicos, ira perceber que na realidade você é do signo de peixes. Mas por que existe essa diferença?  O misticismo que está por de trás da astrologia leva em consideração a posição que o Sol está no dia de seu nascimento. O nosso astro rei faz um caminho aparente no céu, o qual é denominado eclíptica. Sobre esta projeção na esfera celeste há algumas constelações, as quais são designadas Constelações Zodiacais. Porém, não são apenas 12 (correspondente aos signos), mais sim 13. É possível verificar que o Sol não demora o mesmo tempo para passar em todas as constelações zodiacais, podemos observar que, por exemplo, ele demora mais tempo na constelação da Virgem, que é maior, do que na constelação do Escorpião. 



Figura 3: Representação das constelações Zodiacais, sem a constelação do Ofiúco. Fonte: Só Biologia. 


Assim sendo, podemos concluir através de dados físicos e matemáticos que a astrologia não é uma ciência exata, diferente da astronomia, pois seu objetivo está em conhecer e compreender melhor o universo em que vivemos.

Abaixo há um link que permite baixar um programa onde é possível verificar estas diferenças.
 Stellarium: http://www.stellarium.org/pt/

Referências:


Astronomia versus astrologia. O movimento dos astros influencia nosso dia a dia. Disponível em <http://www.das.inpe.br/~alex/Divulgacao/Astronomia_x_Astrologia_CH256_2009.pdf > . Acesso em setembro de 2014.

Astrologia não é Ciência.   Disponível em  <http://www.if.ufrgs.br/ast/astrologia.htm  >. Acesso em setembro de 2014.

Astrologia e Astronomia: Uma conversa entre as duas. Disponível <http://www.mat.uc.pt/~helios/Mestre/Novemb00/H62astlo.htm > Acesso em setembro 2014.
Ridpath, Ian. Astronomia – Guia Ilustrado Zahar. Ed. Zahar

Share:

0 comentários:

Postar um comentário