sexta-feira, 20 de maio de 2016

Contagem populacional no Brasil

Você sabe quantos habitantes existem no Brasil? E na sua região? E no seu estado ou na sua cidade? Será que alguém conta o número de pessoas que moram em cada parte do território brasileiro?

A contagem da população no Brasil é feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE, criado em 1938 e atualmente vinculado ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Porém, já no período imperial, viu-se a necessidade de um melhor conhecimento do território brasileiro e de sua população. Assim, no ano de 1871 foi criada a Diretoria Geral de Estatística – DGE, que realizou as primeiras contagens populacionais (recenseamentos) do Brasil, em 1872, 1890, 1900 e 1920.

Atualmente, o Censo Demográfico (pesquisa realizada para contagem da população e para levantamento de dados que servirão de base para outras pesquisas) ocorre de 10 em 10 anos. Também há a pesquisa denominada Contagem da População, feita no período entre os censos demográficos. Estas pesquisas têm como propósito investigar o perfil demográfico da população, o qual será utilizado pelos governos para a criação de políticas públicas e organização do território brasileiro. 

As informações dos censos “permitem acompanhar o crescimento, a distribuição geográfica e a evolução de características da população ao longo do tempo” (IBGE, 2016). Assim, algumas ações governamentais, como o gasto de verbas públicas, o número de deputados federais, estaduais e vereadores serão norteadas conforme dados levantados pelo IBGE. Apesar da maior parte dos dados serem utilizados com políticas públicas, a principal função dos projetos realizados pelo IBGE é a disseminação de informações à população.

Existem várias outras pesquisas realizadas pelo IBGE que, além de serem utilizadas para o planejamento de políticas públicas, também fazem parte do nosso cotidiano, mesmo sendo muitas vezes despercebidas por nós. É o caso de alguns índices econômicos, como o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo). Este índice é gerado através de informações coletadas pela Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) e serve como referência para as alterações nas taxas de juros, que geram o índice oficial de inflação no Brasil.

Durante o censo demográfico, a investigação é feita em todos os domicílios do território nacional. Algumas outras pesquisas são feitas por amostragem, investigando famílias pré-selecionadas.

O ultimo censo demográfico aconteceu em 2010 quando foram visitados, segundo sítio oficial do IBGE, 67,6 milhões de domicílios em todos os municípios brasileiros. O resultado da contagem populacional para este censo foi divulgado em novembro de 2010 e mostrou que a população brasileira era composta por 190.732.694 habitantes. Em 2015, com a realização da Contagem da População, este valor aumentou, passando para 204.450.649 habitantes.

Figura 2: Projeções populacionais do Brasil para os anos de 2020, 2030, 2040, 2050 e 2060. Fonte: Folha.UOL (adaptado).

Para saber mais sobre os resultados do Censo 2010 e sobre as pesquisas do IBGE, você pode acessar o Atlas do Censo Demográfico 2010, no link a seguir: http://censo2010.ibge.gov.br/apps/atlas/

Também é possível obter informações sobre o seu estado e sua cidade através das paginas IBGE Estados - http://www.ibge.gov.br/estadosat/; e IBGE Cidades - http://www.cidades.ibge.gov.br/xtras/home.php.

Por Aline Veiga


REFERÊNCIAS

Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. Conhecendo o IBGE. Rio de Janeiro: IBGE, 2016. Disponível em: <http://netstorage.fgv.br/ibge/conhecendo_o_ibge-retificado(02_2016)-6aretificacao.pdf> Acesso em: Abril/2016.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Sítio oficial da instituição. Disponível em: < http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2010/default.shtm > Acesso em: Abril/2016.

Share:

0 comentários:

Postar um comentário