quinta-feira, 19 de maio de 2016

Por que há tantas variedades de lápis para desenhar?

Geralmente escutamos pessoas falando que o lápis 6B é melhor para desenhar. Mas por que há os lápis HB, 9B e até o lápis F para desenhar?

O grafite encontrado nas minas destes lápis (a grafite) é retirado de rochas, espécie de carvão metálico feito de sedimentos de algas pré-históricas e a graduação percebida nos lápis dependerá da quantidade de barro e água na sua mistura.

Esta variedade de lápis tem relação ao que a pessoa está intencionada a desenhar, pois, é como se fosse a ferramenta certa para o trabalho certo. Existem muitas especificações de lápis, cada uma com suas características. Um lápis com sua mina de grafite mais “duro” causará, às vezes, uma marcação no papel, um sulco, que incidirá por vezes no rompimento das fibras deste papel, assim como um lápis com sua mina de grafite mais “macia” poderá manchar o papel dificultando apagar ou clarear algumas áreas se a pessoa não tiver certa habilidade. Por estas razões, com a escolha correta do lápis no suporte (Ex: papel) escolhido o desenhista logrará mais êxito.

Figura 1: Tipos de lápis. Fonte: Amopintar.com

Mas qual o significado das siglas acima?

A família dos lápis “B” (Black ⁄ blackness ⁄ preto), negritude: são os lápis considerados “macios”, ou seja, menos esforço para conseguir uma tonalidade mais escura, possuem mina mais espessa, sendo assim um pouco mais frágil e, a princípio, são destinados a esboços e também graduações de sombreamentos.

Já os lápis da família “H” (hard ⁄ hardness ⁄ duro), dureza: são do tipo com a mina fina e “dura”, indicado para esboços com traços mais leves, usados em linhas de construção, ou desenhos técnicos.

Tem os da família “F” (fine) fina: com pontas mais finas, destinados a rascunhar e escrever.

Também encontramos os “HB” que são os lápis que são a mistura dos “H” e os “B”, indicados para escrever e de tonalidade média.

Figura 2: Escala de dureza/maciez. Fonte Ciabyte.

Com o conhecimento dos tipos de lápis, aliado à prática, suporte adequado e de algumas técnicas, o desenhista conseguirá um melhor resultado, texturas e maior qualidade no trabalho executado. 

Por Huellington Robert Vargas da Silva


REFERÊNCIAS


http://www.ciabyte.com.br/tipos-de-lapis/

http://www.amopintar.com/lapis-para-desenho/

http://ipstudio.com.br/tipos-de-lapis-grafite/

http://www.faber-castell.com.br/54340/Curiosidades/Curiosidades/Como-a-dureza-da-mina-grafite-expressa/fcv2_index.aspx

Vídeo:Matéria da Discovery Channel: Como é possível: como se fabrica lápis.
https://www.youtube.com/watch?v=9LcbLTlKNb4
Share:

0 comentários:

Postar um comentário